Search
Close this search box.

Desenvolvimento sustentável: o que é e como você pode contribuir

SUMÁRIO

Segundo a Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, fundada pelas Nações Unidas, o desenvolvimento sustentável deve suprir as necessidades da geração atual sem comprometer os recursos das gerações futuras.

A Comissão discute e propõe formas de equilibrar dois objetivos urgentes: o desenvolvimento econômico mundial e a conservação dos recursos naturais. No entanto, promover o desenvolvimento sustentável deve ser uma atitude rotineira de todos. Quer saber como você pode contribuir? Confira!

O que é desenvolvimento sustentável?

Entender o que é o desenvolvimento sustentável é necessário para que cada um possa contribuir da própria maneira com um futuro mais equilibrado. De forma prática, o conceito abrange um modelo de desenvolvimento em que a economia, a política e a sociedade civil estejam em harmonia com o Meio Ambiente.

Para garantir que o mundo alcance esse objetivo, há um esforço coletivo dos países-membros das Nações Unidas em atingir metas, como a erradicação da pobreza e da fome, o acesso ao saneamento básico para todos, a garantia de educação de qualidade, a proteção e conservação dos ecossistemas, entre outras.

Essas metas fazem parte dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), um conjunto de 17 objetivos gerais e 169 metas específicas criadas pela ONU, em 2015, para firmar o compromisso de tornar o desenvolvimento dos países mais humano e ecologicamente sustentável.

O desenvolvimento sustentável baseia-se em 3 pilares, que envolvem o Meio Ambiente, a economia e a sociedade. As três áreas são interligadas, e as ações de cada uma impacta diretamente nas outras. Veja:

  • sustentabilidade ambiental: uso racional e com propósito dos recursos naturais;
  • sustentabilidade econômica: ações sustentáveis nas esferas financeira, produtiva e tecnológica;
  • sustentabilidade social: visa a assegurar o bem-estar das populações através da garantia de direitos básicos e da diminuição das desigualdades.

Entretanto, o equilíbrio ambiental não depende apenas de um grupo minoritário, mas também de ações individuais para promover o desenvolvimento sustentável. As atitudes diárias são essenciais para contribuir com o avanço em direção de um mundo mais harmônico.

O desenvolvimento sustentável depende de todos!

Alguma vez você parou para pensar em quanto lixo o seu consumo diário gera para o mundo? Ou em quantos litros de água uma simples escovação com a torneira aberta gasta? Apesar de parecerem coisas simples, pequenas atitudes como essas contribuem para sobrecarregar o planeta Terra e esgotar os recursos naturais.

A boa notícia é que, com atitudes simples, você pode contribuir para diminuir o impacto das suas ações no Meio Ambiente. Pequenas trocas no dia a dia e a mudança de hábitos rotineiros têm um grande valor.

1. Diminuir o consumo de plástico

O plástico é um dos maiores desafios ambientais atualmente. O material pode levar centenas de anos para se decompor na natureza, continuando a perpetuar a poluição por gerações. Além disso, ele também impacta a vida selvagem, pois os animais frequentemente o confundem com alimentos e ingerem a substância.

Uma boa alternativa é optar por alimentos embalados em PCR plástico, também conhecido como Plástico de Consumo Reciclado. Ele tem um papel importantíssimo na cadeia de produção, pois reduz a demanda por plástico virgem e ajuda a diminuir a poluição plástica.

Os sucos 100% naturais da Natural One, por exemplo, são envasados em embalagens recicláveis, o primeiro suco do Brasil a ter essa tecnologia. A marca tem o selo Eureciclo, uma certificação ambiental para negócios que promovem a reciclagem com responsabilidade ambiental, e o compromisso de transformar as embalagens de todos os produtos em PCR 100% reciclado. Com isso, 5% das atuais embalagens da Natural One já são produzidas e vendidas com essa embalagem 100% reciclada, além de recicláveis.

2. Economizar água

O brasileiro consome, em média, 154 litros de água por dia, 40% a mais do que os 110 litros recomendados pela ONU. Apesar de ser um recurso finito, a água continua sendo um dos mais desperdiçados. Mas existem algumas formas simples de economizá-la no dia a dia.

  • desligue a torneira: escovar os dentes ou lavar as mãos com a torneira aberta pode gastar 12 litros de água;
  • máquina de lavar sempre cheia: acumule uma quantidade suficiente de roupas para utilizar a máquina no ciclo completo;
  • reutilize a água da máquina de lavar: aproveite a água com sabão para lavar pisos, garagem ou o quintal.

3. Adote um dia vegetariano

A alimentação humana, especialmente o consumo de carne, está diretamente ligada a alguns problemas ambientais graves, como o desmatamento, o aumento das emissões de gases poluentes e a poluição dos lençóis freáticos. Você não precisa se tornar vegetariano, mas que tal experimentar a campanha Segunda Sem Carne?

Essa pequena mudança de hábitos pode poupar 24 m² de terras, 8 kg de grãos, deixar de emitir 11 kg de CO2 e economizar 60 litros de água. Tudo isso em apenas um dia! Além do mais, a alimentação vegetariana é muito mais fácil do que parece.

Você pode consumir frutas, vegetais, grãos, cereais, leguminosas, sementes, oleaginosas e amiláceos. A única coisa que não entra no prato são carnes. Que tal aproveitar para experimentar as bebidas vegetais? Elas não levam leite e são deliciosas.

Natural One: bebidas amigas do Meio Ambiente

Como o desenvolvimento sustentável passa por todos, a Natural One não poderia deixar de fazer a sua parte e oferecer alimentos naturais, saudáveis e ecologicamente corretos.

Conheça a linha de produtos 100% naturais, sem conservantes ou aromatizantes, e produzidos com os melhores ingredientes. Confira agora mesmo e aproveite para incluir um alimento saboroso e sustentável na sua rotina!

Compartilhe

Sobre o Autor

VocÊ vai gostar de ler também

O alto nível de açúcar no sangue é um dos problemas causados, entre outros fatores, por má...